4 de dez de 2011

SANDY - vítima de maus tratos

Fomos ver uma denúncia de uma cadela que ficava em cima de uma laje, sem qualquer proteção contra o frio, chuva, sol, etc; um lugar cheio de entulho e sem abrigo para um cão.
Constatamos ser verdadeira a denúncia, e tentamos conversar com o dono para que ele tomasse providências. Demos um tempo para ele e ao voltar após isso constatamos que tudo continuava com antes, e ele ainda nos disse que não tinha como ficar gastando dinheiro com cachorro (???).
Sendo assim, acionamos a polícia, fizemos um BO de maus tratos, mas tivemos que retirar a cadela de lá.



Também para essa precisamos de madrinhas / padrinhos.

Ela tem perto de 4 anos, porte médio para grande, dócil, não cria confusão com pessoas nem com outros animais.
Você pode ajudar também sua divulgação.

Conto com vocês, para apadrinhar/amadrinhar, para custear sua vacinação, sua castração, sua alimentação, etc.

Um comentário:

  1. Eu, Lili, ex Sandy, estou morando no Rio de Janeiro! Agora tenho cama, água e comida, ossinho para roer, bolinha pra brincar, um irmãozinho pentelho chamado Banzé, e uma pessoa que me mima muito, coça minha barriga, me dá beijo, e vive tirando foto. Só não gosto quando ela me chama de "minha hipopótama mais bonita". Aliás, dinda Neísa, tem homeopatia pra emagrecer? Eu juro que não como muito! E nem minha nova mãe deixa mais...

    Uma lambida no rosto,
    Lili

    ResponderExcluir